Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    29/11/2018

    Novembro Azul: Centros de Saúde da Comunidade promovem diversas ações voltadas para o homem no período noturno

    Na programação da Arse 13 foram debatidos com os usuários presentes, vários aspectos do universo masculino

    ©DIVULGAÇÃO 
    Durante todo o mês de novembro, a Secretaria de Saúde de Palmas (Semus) vem realizando em todos os Centros de Saúde da Comunidade (CSCs) ações para promover a saúde do homem em alusão a campanha Novembro Azul. Na noite dessa última quarta-feira, 28, foi a vez do Centro de Saúde da Comunidade da Arse 13 (108 Sul), convidar os usuários homens para uma série de atividades e atendimentos como exames, encaminhamentos e orientações quanto ao planejamento familiar, orientações nutricionais e palestras referentes à violência e hábitos nocivos à saúde.

    Novembro, mês que marca, principalmente, a luta contra o câncer de próstata, mas também chama atenção para a importância da saúde integral do homem, grande parte das unidades de saúde optou em promover os atendimentos no período noturno, visando atrair um maior número de homens às atividades programadas.

    “Sabemos que muitos homens na faixa etária entre 25 a 59 anos trabalham durante o dia, dificultando a sua ida a uma unidade de saúde para receber informações e atendimento. Para fortalecer a promoção da saúde e a prevenção aos agravos evitáveis a este público, as equipes das nossas unidades têm aberto as portas para trabalhar a prevenção e evitando complicações na saúde masculina; diminuindo gastos, tanto pessoais como do próprio sistema de saúde, além de evitar sofrimentos futuros”, explica o secretário da Semus, Daniel Borini.
    ©DIVULGAÇÃO
    O secretário recomenda ainda a todos os homens, independente da idade, que procure a unidade de saúde mais próxima da sua residência. “Não é só a próstata que deve ser cuidada, é sua saúde como um todo. Prevenir é o melhor remédio”, incentiva Borini. 

    Joseiton Batista França, 55 anos, aceitou o convite da sua agente comunitária de saúde Delma Soares e participou das atividades oferecidas no CSC da Arse 13. “Estou aproveitando a oportunidade para fazer todos os exames possíveis em um curto espaço de tempo, principalmente de próstata, considerando a minha dificuldade de ir ao médico e marcar exames no cotidiano. Quero agradecer o acolhimento de toda a equipe da unidade de saúde e também o convite da minha agente de saúde - a Delma”, disse o usuário do Sistema Único de Saúde (SUS).

    Na programação da Arse 13 foram debatidos com os usuários presentes, outros aspectos do universo masculino, como a exposição maior à violência, aos acidentes de trânsito e ao uso de álcool e outras drogas.

    O atendimento aos homens é realizado durante todo o ano nos Centros de Saúde da Comunidade da Capital, onde participam de consultas, grupos e atividades educativas. Quando necessário, as equipes de saúde realizam encaminhamentos para o Ambulatório Municipal de Atenção à Saúde Eduardo Medrado (Amas), onde consultas com especialistas são feitas.

    Programação

    No Centro de Saúde da Comunidade Loiane Moreno, Arse 24, a partir das 18 horas, desta quinta-feira, 29, haverá palestras, atividade educativas, consultas, teste rápido para Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) - HIV, Hepatites B e C e Sífilis, auriculoterapia e solicitação de exames. Já o CSC Professora Isabel Auler, na Arso 23 (207 Sul) também segue com a programação de atendimentos, rodas de conversas, consultas e exames, a partir das 18 horas.
    ©DIVULGAÇÃO

    Fonte: ASSECOM/Semus
    Por: Igor Flávio

    --