Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    29/05/2019

    CAPITAL| Samu realiza ação educativa alusiva ao Maio Amarelo no Terminal Rodoviário de Palmas

    ©DIVULGAÇÃO
    Para ressaltar a importância da condução responsável no trânsito e levar conscientização à população sobre o alto índice de acidentes automobilísticos, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência de Palmas (Samu) realizou na manhã desta quarta-feira, 29, uma ação em alusão a campanha Maio Amarelo. O evento aconteceu no Terminal Rodoviário de Palmas e contou com a parceria de enfermeiras e estudantes do curso de enfermagem do Centro Universitário Luterano de Palmas (CEULP/ULBRA). Na ocasião, os profissionais ofereceram aferição de pressão arterial e glicemia, entre outros serviços.

    Para o enfermeiro do Samu, Mauro Maues, o momento é importante para focar na saúde dos motoristas. “Além da parte educacional estamos ofertando uma avaliação de saúde, além das orientações de alimentação e hábitos saudáveis de vida. A ideia é que o motorista esteja com a saúde e qualidade de vida boa, para que ele possa realizar o seu trabalho com segurança”, observa enfatizando que a ação tem foco nos motoristas profissionais, mas também foi aberta para as pessoas que passaram pela Rodoviária.
    ©DIVULGAÇÃO
    O mototaxista Nelson Terreço, de 46 anos, acredita que esse tipo de ação ajuda bastante, principalmente para quem trabalha o dia todo e muitas vezes acaba deixando a saúde de lado. “É muito boa a maneira que eles estão nos atendendo. Aqui pude fazer alguns testes e também recebi muitas orientações importantes”, conta o profissional.

    Durante a ação, a equipe do Samu explicou sobre como agir em atendimento às vítimas de acidentes de trânsito e primeiros socorros. Este ano a campanha traz como tema: ‘No trânsito, o Sentido é a vida’. O Movimento Maio Amarelo possui o intuito de chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito. 
    ©DIVULGAÇÃO
    Neste mês, profissionais de saúde estão realizando diversas ações com o intuito de repassar informações aos pedestres de cuidados no trânsito, com o propósito de diminuir o número de vítimas de atropelamento. “Com o uso do celular, as pessoas estão mais desatentas, tanto quando estão na posição de motoristas, quanto na de pedestres. Hoje estamos dando também uma atenção maior para os motociclistas por causa do alto índice de acidentes relacionados a eles”, lembra a instrutora do Núcleo de Educação em Urgência do Samu, Claudete Nascimento.

    SECOM

    Imprimir