Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    26/07/2019

    Fugitivo morre após ser baleado durante confronto com a PM em Palmas

    Caso foi no Jardim Aureny III no começo da noite desta sexta-feira (26). Ele foi identificado como Douglas Cardoso Nogueira, de 23 anos.

    Confronto foi na Avenida D no Jardim Aureny III em Palmas — Foto: Guilherme Lima/TV Anhanguera
    Um homem identificado como Douglas Cardoso Nogueira, de 23 anos, morreu na noite desta sexta-feira (26) após ser baleado durante um confronto com a Polícia Militar. O caso foi no Jardim Aureny III, na Avenida D, região sul de Palmas. Nogueira pulou o muro de uma casa antes de morrer. Ainda não está claro se ele foi baleado antes ou depois de invadir o imóvel.

    A Polícia Militar informou que a Força Tática fazia um patrulhamento de rotina quando reconheceu o suspeito de outras ocorrências. Como havia um mandado de prisão em aberto contra ele, os militares iniciaram uma perseguição.

    A troca de tiros foi com a equipe das Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam). O tiroteio ocorreu na rua e assustou moradores da região.
    Fugitivo pulou o muro de uma das casas da avenida antes de morrer — Foto: Guilherme Lima/TV Anhanguera
    Parentes de Nogueira estiveram na cena do crime. Eles admitiram que o homem já tinha sido preso por tráfico de drogas, mas alegaram que ele não estava armado e tinha pulado o muro por medo de ser atingido após perceber o tiroteio.

    Uma arma foi encontrada com o suspeito dentro do imóvel. Até às 20h30 a perícia permanecia no local. Após o fim do registro da ocorrência, o corpo será levado ao Instituto Médico Legal.

    O mandado em aberto contra Nogueira é de fevereiro de 2019. O crime teria sido um assalto a mão armada em um ponto de ônibus no Jardim Aureny IV. O crime foi no meio da tarde de 19 de julho de 2016 com a ajuda de uma mulher. Nogueira já estava no regime semiaberto na época por outros crimes.

    Por TV Anhanguera


    Imprimir