Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    29/08/2019

    CAPITAL| Show Tributo a Tim Maia agitou o público na Quarta Clássica da Fundação Cultural de Palmas

    ©DIVULGAÇÃO
    Leandro Macedo prometeu uma noite contagiante e cumpriu, com louvor, a promessa embalando o público no ‘Tributo a Tim Maia’, do projeto Quarta Clássica apresentado no Teatro Fernanda Montenegro nessa quarta-feira, 28.

    Com casa cheia, Leandro Macedo ‘encarnou’ o rei do soul funk brasileiro, tanto na qualidade musical quanto no estilo, e música após música fez a plateia cantar junto canções como ‘Como uma onda no mar, ‘Gostava tanto de você’, ‘Descobridor dos sete mares’, entre outras, enquanto nas cadeiras, o público improvisava coreografias.

    “Foi uma noite mágica. Eu sempre gostei do Tim Maia, e o show me surpreendeu. Música boa em um lugar de cultura, de arte”, afirmou o estudante, Alexander Justo Vaz.
    ©DIVULGAÇÃO
    Em mais de uma hora, o Tributo a Tim Maia apresentou grandes sucessos de Tim Maia, desde as canções que alçaram o artista ao estrelato nos anos 70, como ‘Não quero dinheiro (Só quero amar)’ e ‘Gostava tanto de você’, passando pela fase em que aderiu à doutrina filosófico-religiosa conhecida por Cultura Racional, ‘Que beleza’ e ‘O caminho do bem’, chegando aos anos de 80/90 com canções românticas ‘Me dê motivo’, ‘Ela partiu’, dançantes ‘Descobridor dos sete mares’ e trilhas para novelas ‘Um dia de domingo’. Ao todo, o repertório reúne cerca de 60 músicas.

    Quarta Clássica

    Por meio do projeto Quarta Clássica, que apresenta ao público concertos musicais eruditos e populares, instrumentais e vocais, com o melhor do que é produzido em Palmas, a Fundação Cultural de Palmas disponibiliza o palco do Theatro Fernanda Montenegro para os mais variados grupos musicais, da orquestra à música popular, democratizando o acesso ao espaço público, fomentando a produção e a difusão musical local, e a formação de plateia.

    A próxima Quarta Clássica acontece em 11 se setembro, com apresentação do show Saulianas, de Saulo Moscardini Torres.

    ©DIVULGAÇÃO

    Por: Samara Martins

    Imprimir