Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    04/09/2019

    ARAGUAÍNA| Setembro Amarelo inicia com caminhada inédita neste sábado

    A 1ª Caminhada Todos pela Vida faz parte da programação da campanha internacional de prevenção ao suicídio, que vai até dia 25 na cidade. Desde 2010, foram registradas no Município 765 tentativas

    Concentração da caminhada será às 8 horas, na Praça das Bandeiras, durante a programação do Desfile de Sete de Setembro
    A 1ª Caminhada Todos pela Vida dará início à programação da Campanha Setembro Amarelo em Araguaína. O evento será realizado neste sábado, a partir das 8 horas, durante o Desfile de Sete de Setembro, e busca sensibilizar a sociedade da importância de discutir sobre o suicídio e suas causas. A caminhada é aberta ao público e também divulgará as ações do mês internacional de prevenção na cidade.

    “O objetivo da caminhada é falarmos sobre o assunto e desmistificar preconceitos e barreiras em assumir, aceitar e orientar a pessoa em procurar ajuda, além de divulgar o fórum e as oficinas gratuitos que serão realizados em Araguaína e estão com as inscrições abertas”, informou Klauber Feitosa, representante da Rede Municipal de Atenção Psicossocial (RAPS) e coordenador do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS AD).

    Programação

    A programação do Setembro Amarelo conta ainda com o 3º Fórum Todos Pela Vida, que será realizado no dia 20 de setembro, às 8 horas, no auditório do Centro Universitário Unitpac. No dia 25, a programação também contará com oficinas temáticas que serão realizadas no campus da Universidade Federal do Tocantins (UFT), no Setor Cimba.

    “É importante sensibilizar as pessoas deste problema tão grave, que tira tantas vidas todos os anos. O Setembro Amarelo é um mês de diálogo, que busca criar conversas sobre o assunto, deixar as pessoas que sofrem com pensamentos suicidas saberem que elas não estão sozinhas e que a morte não é solução”, acrescentou Feitosa.

    Números que preocupam

    De 2010 até 2019, 765 pessoas tentaram suicídio em Araguaína. Os dados são da Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan).

    Na última década, os registros de suicídio na cidade aumentaram bastante. Em 2010, foram 31 tentativas, já em 2018, foram registradas 192. Só este ano, já foram 119 notificações de tentativas de suicídio.

    Setembro Amarelo

    Em 2003, a Organização Mundial da Saúde (OMS) instituiu o dia 10 de setembro para ser o Dia Mundial da Prevenção do Suicídio e o amarelo a cor escolhida para representar esse sentimento.

    Por: Thatiane Cunha


    Imprimir