Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    06/02/2020

    Saúde alerta para transmissão de doenças devido enchentes e alagamentos

    Com previsão de fortes chuvas nos próximos dias, Saúde alerta para os cuidados para evitar a contaminação por doenças

    Não tenha contato com água suja de enchentes e alagamentos
    Com o alerta do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), que prevê fortes chuvas e ventos intensos em todo Estado nos próximos dias, a Secretaria de Estado da Saúde (SES/TO), por meio da Gerência de Vigilância em Saúde Ambiental, área técnica de Populações Expostas a riscos e Desastres Naturais (VIGIDESASTRES) alerta a população para os possíveis riscos de enchentes e alagamentos que podem aumentar incidência de transmissão de doenças como a leptospirose, hepatite A, febre tifoide e diarreia. 

    Segundo o gerente de Vigilância em Saúde, Murilo Ribeiro Brito, “quem mora ou passa por pontos de enchente ou alagamento causados por chuvas, deve evitar o contato direto com a água suja. Os cuidados devem ser adotados por todos, principalmente por pessoas que moram em áreas com baixo saneamento básico, muitas doenças aumentam a transmissão neste período”, ressaltou.

    O gerente destaca ainda que algumas dicas de prevenção, como proteger o pé com calçados, e até mesmo plástico; não ter contato com roedores que são os principais transmissores de doenças; lavar bem os alimentos; observar a água ingerida e evitar acúmulo de entulhos em terrenos baldios reduz os riscos.

    De acordo com aviso meteorológico do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), nesse período, a previsão indica que os maiores acumulados de chuva poderão ocorrer em uma faixa que passa pelos estados do Piauí, Maranhão, Tocantins, sudeste do Pará, Goiás, leste e nordeste do Mato Grosso. O Tocantins terá previsão de tempo nublado com pancadas de chuva e trovoadas isoladas.

    As regiões do Jalapão, Norte, Sul, Sudeste e Oeste do Estado do Tocantins, encontra-se em risco de ocorrência de chuvas entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, e ventos intensos (40-60 km/h), no período de 03 a 10 de fevereiro.

    Como agir em casos de enchentes e alagamentos:

    • Se a água invadir sua casa procure abrigo em lugar seco e seguro;
    • Retire a sujeira deixada pela enchente, usando proteção adequada;
    • Tenha cuidado com os alimentos, sempre filtre e ferva a água antes de beber.




    Por: Laiany Alves/Governo do Tocantins
    Fotos: Divulgação Saúde, Leandro Chaves e Marcelo Costa


    Imprimir