Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    05/05/2020

    Governador Carlesse decreta uso obrigatório de máscara em todo o Estado, instalação de barreiras sanitárias e isolamento social mais restrito

    Decreto que traz a obrigatoriedade será assinado pelo Chefe do Poder Executivo e publicado do Diário Oficial desta terça-feira (5)

    Durante webconferência, Governador destacou a união entre os poderes em prol do combate ao novo coronavírus ©Tharson Lopes
    Durante reunião por videoconferência realizada nesta terça-feira, 5, o governador do Estado, Mauro Carlesse, comunicou, aos integrantes do Comitê de Crise para Prevenção da Covid-19, que o Poder Executivo Estadual publicará novas medidas visando intensificar o combate ao novo Coronavírus e evitar a continuidade do aumento de pessoas infectadas no Tocantins. Dentre as medidas apresentadas, estão a obrigatoriedade do uso de máscaras em todo o Estado e a instalação de barreiras sanitárias nas divisas do Estado.

    O Decreto que traz a obrigatoriedade será assinado pelo Chefe do Poder Executivo e publicado do Diário Oficial (DOE) desta terça-feira, 5.

    A decisão leva em consideração o aumento do número de casos da Covid-19 no Estado e a necessidade de uma medida mais efetiva, no sentido de fazer com que a população adote os hábitos necessários para diminuir a propagação do novo Coronavírus. Segundo boletim da Secretaria de Estado da Saúde (SES), nesta terça-feira, 5, o Tocantins contabiliza, ao todo, 303 casos confirmados de Covid-19 e sete óbitos.

    Além desta normativa, outra medida comunicada pelo Governador é a recomendação aos municípios para que voltem a adotar a modalidade de Distanciamento Social Ampliado (DAS), aquele que não se limita a grupos específicos, exigindo que todos os setores da sociedade permaneçam em casa durante a vigência dos decretos dos gestores locais, restringindo ao máximo o contato entre as pessoas.
    Comitê deliberou a necessidade do uso obrigatório de máscaras em todo o território tocantinense ©Tharson Lopes
    “Para tomar essas decisões, nós avaliamos a situação, debatemos, ouvimos cada órgão e observamos, principalmente, as opiniões dos especialistas e dos órgãos de Saúde para que possamos agir da melhor forma, mesmo em meio a este cenário que é de incertezas, pois se altera diariamente”, destacou o governador Mauro Carlesse.

    Já o secretário de Estado da Saúde, doutor Edgar Tollini, aproveitou a oportunidade para ratificar que toda a equipe técnica está empenhada em conseguir formas de adquirir mais equipamentos e leitos para atendimento dos pacientes. “Enquanto a população faz sua parte, mantendo o distanciamento social, nós atuamos diuturnamente para fortalecer nossa estrutura de saúde. Com isto, conseguimos que Araguaína tenha à disposição mais dez leitos de UTI em unidade privada do município”, destacou.

    Barreiras Sanitárias

    Também na edição do DOE desta terça-feira, haverá publicação normatizando as atividades das barreiras de aconselhamento sanitário nas divisas do Estado. Esta atividade deve ocorrer de forma sinérgica e intersetorial entre a Secretaria de Estado da Saúde e as forças de segurança, com a colaboração da equipe fazendária e de fiscais e agentes da Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins (Adapec).

    Presenças Virtuais

    Participaram da videoconferência o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Helvécio de Brito Maia Neto; o defensor público-geral da Defensoria Pública do Estado (DPE), Fábio Monteiro; a procuradora-geral de Justiça do Ministério Público do Estadual (MPE), Maria Cotinha Bezerra; e o presidente do Tribunal de Contas do Tocantins (TCE/TO), o conselheiro Severiano Costandrade.

    Também participaram o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jaizon Veras Barbosa; o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Reginaldo Leandro da Silva; o secretário de Estado da Saúde, Edgar Tollini; a secretária de Estado da Educação, Juventude e Esportes, Adriana Aguiar; o secretário de Estado da Segurança Pública, Cristiano Barbosa Sampaio; o secretário-chefe da Casa Civil, Rolf Vidal; o secretário de Estado da Fazenda e Planejamento, Sandro Henrique Armando; o secretário de Estado da Comunicação, Élcio Mendes; o superintendente da Infraero do Tocantins, Juliano de Castro; o comandante da Capitania Fluvial do Araguaia-Tocantins da Marinha, Marcos Cezar Pires Gomes; o coronel Carlos Gabriel Brusch Nascimento, do 22º Batalhão de Infantaria (22º BI) – Batalhão Tocantins; e o representante da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Paulo Célio.


    Por: Sara Cardoso


    Imprimir