Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    11/05/2020

    Solidariedade: profissional de saúde leva sua família para doar sangue

    Servidor diz que seu propósito é fazer ações solidárias, entre elas a captação de doadores 

     Pai e filha realizando doação ©André Araújo
    A doação de sangue é um ato de extrema necessidade, que em muitos casos é responsável por salvar vidas. A Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da Hemorrede Tocantins, fomenta a captação de doadores e incentiva a população a fazer este gesto de cuidado com o próximo. Na manhã deste sábado, 09, o técnico em enfermagem do Hemocentro Coordenador de Palmas, Aristotelis Pereira Marinho, levou a esposa, filha, filho e um amigo da família, para realizarem doação de sangue no hemocentro da capital.

    “Eu sempre gostei de fazer doação e esse ato para mim é muito importante, pois sei que vai poder ajudar pessoas, então isso para mim é ímpar. Então eu chamei minha família para a gente fazer esse ato, e poder ajudar o próximo”, explicou o doador Aritotelis Pereira Marinho. 

    O profissional afirma que neste momento de pandemia, as pessoas não precisam ficar receosas em fazer a doação, pois o hemocentro segue todos os protocolos de segurança “a gente sabe que é difícil, muitos estão com medo, mas precisamos quebrar esse tabu”. Aristotelis diz que pretende continuar captando doadores “É o meu desejo continuar essas doações, tenho feito um trabalho de divulgação na minha igreja, e eu estou conseguindo conscientizá-los e incentivá-los a doar, trazendo eles até aqui e esse é meu propósito, eu gosto de fazer ações”.
    Aristotelis Pereira Marinho, levou a esposa, filha, filho e um amigo da família, para realizarem doação de sangue no hemocentro da capital ©André Araújo
    A esposa de Aritotelis, Josiene Braga Lacerda Marinho, pela primeira vez, foi ao hemocentro doar sangue “Já tem algum tempo que eu tenho vontade de doar, meu esposo sempre me incentivando, me convidando e hoje eu resolvi vir, pois eu sei que há necessidade, muitas pessoas precisando mesmo e a gente que pode, precisa ajudar”. Josiane ficou feliz em ver toda família realizando esse ato de amor “É uma sensação de prazer, de estar cumprindo o nosso dever de cidadão, eu fiquei bastante contente”, relata a nova doadora.

    A responsável pela captação de doadores do Hemocentro Coordenador de Palmas, Robéria Fernandes, enaltece o ato do servidor “Queremos parabenizar o colega pelo gesto de solidariedade e amor ao próximo, pois diante de situações delicadas, como a que estamos vivendo, atitudes como esta fazem a diferença, tanto para a equipe que se sente motivada pela ação, como para o estoque em si. A ideia de mobilizar os seus familiares demonstram o compromisso do servidor com a causa e com a instituição”.

    Marcar doações

    Todas as unidades de coletas de sangue da Hemorrede Tocantins seguem funcionando de forma regular, com todas as unidades abertas de segunda à sexta-feira, das 7h às 18h30. Aos sábados das 7h às 12h30, exceto as unidades do Hospital Geral de Palmas (HGP) e de Porto Nacional que não ficam abertas para atendimento. Em Palmas a doação pode ser agendada pelo telefone 3218-3232 e 0800-6428822, em Gurupi no 3312-2237, Araguaína pelo 3411-2915, Porto Nacional no 3363-5161 e Augustinópolis pelo 3456-1153.

    Doador

    Para ser doador é necessário estar bem de saúde, pesar no mínimo 50 Kg, não estar em jejum, evitar apenas alimentos gordurosos nas três horas que antecedem a doação, ter entre 16 (*) e 69 anos, 11 meses e 29 dias (jovens com 16 e 17 anos podem doar com autorização dos pais e/ou responsáveis legais e um documento de identidade original desse responsável) e portar documento oficial de identidade com foto (identidade, carteira de trabalho, certificado de reservista ou carteira do conselho profissional).
    Aristotelis diz que pretende continuar captando doadores ©André Araújo


    Por: Erlene Miranda


    Imprimir