Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    08/05/2020

    PANDEMIA| Tocantins registra 71 novos casos de Covid-19 e total no estado chega a 494

    Novos casos foram registrados em 13 municípios do estado. Araguaína e Palmas seguem liderando ranking; estado segue com nove mortes por coronavírus.

    ©ILUSTRAÇÃO
    O boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) nesta sexta-feira (8) confirmou 71 novos casos de coronavírus no Tocantins. Com as novas confirmações, o número de pessoas com a doença no estado subiu para 494. Nove pessoas morreram com Covid-19 desde o início da epidemia.

    Neste novo boletim foram registrados mais 31 casos em Araguaína, que continua sendo a cidade com mais diagnósticos, e 17 em Palmas.

    Também houve novos registros de Covid-19 em Alvorada (1), Araguatins (4), Axixá do Tocantins (2), Cariri do Tocantins (3), Cristalândia (1), Figueirópolis (1), Gurupi (3), Maurilândia do Tocantins (2),Paraíso do Tocantins (1), Tocantinópolis (1) e Wanderlândia (2).

    O Laboratório Central De Saúde Pública Do Tocantins (Lacen) realizou 275 exames de Covid-19, sendo que 60 deram positivo. Os outros 11 casos foram confirmados em testes rápidos.

    Conforme o boletim, um caso notificado para o município de Filadélfia foi retirado após investigação e análises dos testes realizados junto com laudo médico apontarem outro diagnóstico. Em Darcinópolis foi contabilizado um novo caso, após correção de endereço de paciente que estava em outro estado.

    A SES informou que, 36 pacientes diagnosticados com a Covid-19 estão hospitalizados no estado. Além disso, 408 pessoas estão em isolamento. Outros 77 pacientes estão recuperados da doença.

    O boletim epidemiológico está sendo divulgado na manhã do dia posterior ao registro dos casos. Ou seja, os dados publicados nesta sexta-feira (8) são referentes aos testes realizados na quinta (7).

    Casos confirmados de outro Estado

    Ainda conforme o boletim, foram realizados 148 testes rápidos em caminhoneiros entre os dias 6 e 7 de maio. Oito testes deram positivo para Covid-19. Os caminhoneiros são dos seguintes estados: Pará, Goiás, Bahia e Pernambuco.

    Veja os números da Covid-19 no estado:

    • Araguaína - 194 casos
    • Palmas - 141 casos - duas mortes
    • Gurupi – 22 casos
    • São Miguel do Tocantins - 18 casos
    • Cariri do Tocantins - 17 casos
    • Guaraí - 10 casos
    • Paraíso do Tocantins – 10 casos - uma morte
    • Nova Olinda - 8 casos
    • Couto Magalhães - 7 casos
    • Wanderlândia - 7 casos
    • Araguatins – 7 casso
    • Tabocão - 5 casos
    • Augustinópolis - 4 casos - duas mortes
    • Miranorte - 4 casos - uma morte
    • Porto Nacional - 3 casos
    • Sítio Novo do Tocantins - 3 casos - uma morte
    • Axixá do Tocantins - 3 caso
    • Colinas do Tocantins - 4 casos
    • Tocantinópolis - 3 casos
    • Darcinópolis - 3 casos
    • Aguiarnópolis - 2 casos - uma morte
    • Maurilândia do Tocantins – 2 casos
    • Abreulândia – 1 caso
    • Aliança do Tocantins – 1 caso
    • Ananás – 1 caso
    • Alvorada – 1 caso
    • Barrolândia – 1 caso
    • Bandeirantes do Tocantins – 1 caso
    • Cristalândia – 1 caso
    • Dianópolis – 1 caso
    • Fátima – 1 caso
    • Figueirópolis – 1 caso
    • Formoso do Araguaia – 1 caso
    • Lizarda – 1 caso - uma morte
    • Miracema do Tocantins – 1 caso
    • Nova Rosalândia – 1 caso
    • Novo Acordo – 1 caso
    • Palmeiras do Tocantins – 1 caso
    • Sampaio – 1 caso
    Mortes por Covid-19

    O número de mortes por coronavírus no Tocantins chegou a nove. Dois homens de 83 e 49 anos que tinham hipertensão não resistiram. Um idoso de 68 anos que morava em Lizarda também morreu. Ele fazia tratamento oncológico em Palmas. Antônio Bento dos Santos de 68 anos morreu no Hospital Regional de Augustinópolis.

    Maria Aparecida da Silva de 62 anos morreu no dia 30 de abril e Cícera Pereira Silva de 78 anos, que morava em Sítio Novo do Tocantins, morreu no dia 29 do mesmo mês após ter o diagnóstico da doença.

    Já o caminhoneiro Valdir Conceição Teles de 52 anos morreu ao dar entrada no Hospital Geral de Palmas. O empresário Erlim de Andrade, de 68 anos, morador de Paraíso do Tocantins, não resistiu e morreu enquanto fazia tratamento em Goiânia. A servidora da saúde de Palmas, Romana Sousa Chaves de 47 anos morreu em 14 de abril em um hospital particular.

    Por G1

    Imprimir