Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    16/06/2020

    Adapec sacrifica oito suínos transportados ilegalmente

    O trânsito de suídeos de áreas não livre da Peste Suína Clássica para área considerada livre, que é o caso do Tocantins é proibido

    Durante fiscalização de rotina na barreira fixa de Talismã, oito suínos provenientes de área de não livre da PSC são sacrificados ©DIVULGAÇÃO
    Nessa segunda-feira, 15, durante fiscalização de rotina na barreira de fixa de Talismã, fiscais da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) identificaram oito suínos sendo transportados ilegalmente do estado do Pará, declarado não livre da Peste Suína Clássica (PSC), com destino ao estado de Goiás. Como o Tocantins é internacionalmente livre da doença, o trânsito é proibido, por isso, os animais foram sacrificados com o apoio da Polícia Militar e da Prefeitura Municipal.

    De acordo com o supervisor técnico da área animal da regional de Formoso do Araguaia, Jorge França, o condutor do caminhão levava uma mudança, na carga havia diversas espécies de animais, todos com as documentações corretas, exceto os suínos que não poderiam transitar pelo Tocantins porque são provenientes de zona não livre da enfermidade. “Após a abordagem, os fiscais providenciaram a retirada dos suínos e executaram o rifle sanitário, conforme exige a legislação", explicou Jorge França.

    A Adapec tem intensificado as fiscalizações nas barreiras fixas e móveis para impedir a movimentação ilegal de animais. “Estamos vigilantes, é proibido o ingresso de suínos, produtos e subprodutos de estados não declarados livres da PSC para os que são livres, conforme estabelecido na Instrução Normativa Federal nº 25, de 19 de julho de 2016“, afirma a responsável pelo Programa Estadual de Sanidade Suídea, Regina Barbosa.

    PSC

    A PSC não é transmitida ao homem. Porém, a ocorrência de um foco implicaria em grandes perdas econômicas e repercussões sociais com o sacrifício de animais, interrupção das atividades das granjas, redução imediata da produção de carne, restrição comercial de países importadores de animais, carnes, produtos e subprodutos de origem animal, bem como de produtos agrícolas como a soja e o milho, já que alguns mercados só importam os vegetais de área livre da PSC.

    Segundo o Ministério da Agricultura, a área livre para PSC do país inclui três zonas, abrangendo o Distrito Federal e 15 estados (RS, SC, PR, MG, SP, MS, MT, GO, RJ, ES, BA, SE, TO, RO e AC).

    Sintomas

    Os principais sintomas da doença que acomete os suídeos (suínos e javalis) são: febre alta, perda do apetite, diarreias, paralisias, tremores, manchas hemorrágicas pelo corpo e andar cambaleante. Em caso de suspeita da doença, o produtor deve comunicar imediatamente a Adapec.
    Fiscais da Adapec identificam transporte ilegal de suínos durante abordagem rotineira

    Por: Dinalva Martins


    Imprimir