Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    16/06/2020

    ARTIGO| Quem vai viver no Milênio?

    Autor: Wilson Aquino*
    Provavelmente por se tratar de um tema delicado e de pouco entendimento, poucas igrejas discutem com seus membros sobre o Milênio, período de mil anos de paz, amor e alegria na Terra, que começará quando Jesus Cristo vier reinar pessoalmente.

    As Escrituras Sagradas e os profetas ajudam a entender como será viver na Terra durante o Milênio. Devido à destruição dos iníquos na segunda vinda do Salvador, somente as pessoas justas viverão na Terra no início do Milênio. Serão aqueles que viveram uma vida virtuosa e honesta.

    No capítulo 20 de Apocalipse, último Livro da Bíblia, já na introdução, a informação de que: “Satanás é amarrado durante o Milênio – Os santos então viverão e reinarão com Cristo”.

    20:1 – E vi descer do céu um anjo, que tinha a chave do abismo, e uma grande cadeia na sua mão.

    20:2 – E prendeu o dragão, a antiga serpente, que é o Diabo e Satanás, e amarrou-o por mil anos.

    20:3 – E lançou-o no abismo, e ali o encerrou e pôs selo sobre ele, para que não mais engane as nações, e até que os mil anos se acabem. E depois é necessário que seja solto por um pouco de tempo.

    20:4 – E vi tronos; e assentaram-se sobre eles, e foi-lhes dado o poder de julgar; e vi as almas daqueles que foram decapitados pelo testemunho de Jesus, e pela palavra de Deus, e que não adoravam a besta, nem a sua imagem, e não receberam o sinal em sua testa nem em suas mãos; E viveram, e reinaram com Cristo, durante mil anos.

    20:5 – Mas os outros mortos não reviveram até que os mil anos se acabaram. Esta é a primeira ressurreição.

    20:6 – E bem aventurado o Santo. Aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre estes não tem poder a segunda morte; porém serão sacerdotes de Deus e de Cristo, e reinarão com ele mil anos.

    Durante o Milênio, todas as pessoas do mundo serão boas e justas, mas muitas ainda não terão recebido a plenitude do evangelho. Consequentemente, os membros da Igreja participarão do trabalho missionário.

    No Milênio não haverá guerra. As pessoas viverão juntas em paz e harmonia. As coisas que eram usadas para a guerra passarão a ser usadas com propósitos úteis. “Converterão as suas espadas em enxadões e as suas lanças em foices; não alçará espada nação contra nação, nem aprenderão mais a guerrear”, ensina Isaías (2:4).

    Em Ezequiel (36:35) o Senhor ensina como ficará a Terra no Milênio: “E dirão: Esta Terra assolada ficou como Jardim do Éden”; e em Isaías (11:6): “E morará o lobo com o cordeiro, e o leopardo com o cabrito e deitará, e o bezerro e o filho do leão e o animal cevado andarão juntos, e um menino pequeno os guiará”.

    O Senhor nos mostra, com clareza, que a Terra será renovada e purificada para a vida no Milênio. Uma vida cheia de paz, de amor e alegria. Harmonia inclusive entre todos os animais da Terra.

    Profetas modernos receberam revelação do Senhor de que durante o Milênio não haverá morte do modo como a conhecemos hoje. Quando as pessoas chegarem a uma idade avançada, não morrerão nem serão enterradas. Em vez disso, num instante, serão mudadas de sua condição mortal para uma condição imortal “num piscar de olhos”, como descrito no livro sagrado “Doutrina e Convênios” (63:51, 101:29-31), de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

    Diante de promessas tão maravilhosas, de viver num mundo onde não haverá doença, violência, tristeza e decepções, que o Milênio sirva de incentivo ao homem para levar hoje uma vida digna e honesta para ter o direito amanhã de viver nesse mundo governado pessoalmente por Jesus Cristo.

    *Jornalista e Professor

    Imprimir