Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    08/06/2020

    Governo entrega mil cestas básicas em Araguaína e totaliza mais de 3 mil famílias atendidas no município

    Ação emergencial já beneficiou mais de 80 mil famílias no Estado

    O Governo do Estado, por meio da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas) entrega nesta terça-feira, 9, mais mil cestas básicas para o Centro de Referência de Assistência Social de Araguaína, norte do Estado
    O Governo do Estado, por meio da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (Setas) entrega nesta terça-feira, 9, mais mil cestas básicas para o Centro de Referência de Assistência Social de Araguaína, norte do Estado, como medida emergencial em virtude da pandemia da Covid-19. Essa é a segunda entrega realizada para a Secretaria de Assistência Social do Município.

    CRAS

    Em um primeiro momento, foram atendidos, por meio do CRAS do município, 306 idosos cadastrados no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) e também abrigados em Intuições de Longa Permanência (ILPI's).
    Nesta segunda etapa, as mil cestas serão destinadas para famílias atendidas pelo Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF) e trabalhadores afetados pela pandemia. 

    3 mil famílias atendidas 

    Em Araguaína, o Governo atendeu além de idosos, famílias vulneráveis e trabalhadores por meio de associações de classes como mototaxistas, taxistas, músicos entre outros profissionais atingidos pelo isolamento social.

    Com as entregas desta terça -feira, 9, o Governo totaliza a doação de 3 mil cestas- básicas, somente no municípios de Araguaína. Segundo o secretário da Setas, José Messias Araújo, a determinação do governador Mauro Carlesse é que sejam atendidas todas as famílias vulneráveis do Estado indistintamente e completa: “ Araguaína é a segunda maior cidade do Tocantins em população e também a localidade que mais registrou casos da Covid-19 . Essa Ação é fundamental para a assistência das famílias mais vulneráveis”. O gestor informou, ainda, que cerca de 80 mil famílias dos 139 municípios do Tocantins já foram atendidas com a ação.

    Como são selecionadas as famílias beneficiadas

    A entrega das cestas básicas para Araguaína e demais municípios acontece nos Cras que são responsáveis por selecionar os idosos cadastrados no SCFV (Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos) e as famílias vulneráveis cadastradas no PAIF (Proteção e Atendimento Integral à Família).
    Já os trabalhadores informais e autônomos afetados pela Pandemia são atendidos por meio de associações de classe a exemplo de taxistas, moto taxistas, garçons, músicos e artesãos entre outros. Desde o dia 21 de março quando a ação teve início cerca de 8 mil famílias já foram atendidas nos 139 municípios.

    Sobre a Ação

    O recurso aplicado na compra e distribuição dos alimentos é oriundo do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecope-TO), baseado na Lei n° 3.015, de 30 de setembro de 2015, considerando a decisão plenária do dia 23 de março de 2020, (Resolução nº 01/2020, de 31 de março de 2020), que aprovou a destinação de recursos financeiros a órgão público estadual para execução de projeto social com vistas a combater e erradicar a pobreza, por meio da distribuição de 200 mil cestas básicas à população necessitadas.






    Por: Lara Cavalcante

    Imprimir