Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    07/07/2020

    Policiais Civis do Tocantins recebem atendimento psicossocial de forma remota

    Em funcionamento desde abril deste ano, o serviço é fruto de requerimento apresentado pela deputada estadual Luana Ribeiro. 

    Luana Ribeiro defende oferta de serviço psicossocial para profissionais da segurança pública
    A fim de garantir atenção à saúde mental de profissionais da segurança, foi implantado na Secretaria de Segurança Pública (SSP -TO), o serviço de atendimento psicossocial remoto aos servidores da pasta. Em fevereiro deste ano, a deputada estadual Luana Ribeiro apresentou requerimento relacionado à temática, para a proteção da integridade mental de profissionais ligados à pasta, e em abril o serviço foi implantado pela secretaria, através da portaria nº 203. 

    A parlamentar comemora a realização do serviço e ressalta a sua importância para a proteção dos profissionais da segurança. “A pressão constante vivenciada em órgãos de segurança pode desencadear diversos transtornos psicológicos em seus agentes, dessa forma, a oferta de mecanismos para cuidados com a saúde mental é de extrema necessidade. É essencial que esse serviço esteja disponível para todas as forças de segurança”, afirmou. 

    Com a pandemia da Covid-19, a deputada estadual acredita que o atendimento torna-se ainda mais necessário. “Em um momento como esse, profissionais de serviços essenciais como o da segurança precisam continuar trabalhando, o que pode gerar grande instabilidade emocional. Diante disso, o apoio recebido através desse serviço, mesmo que de forma remota, auxilia na preservação da saúde mental dos servidores”, finalizou. 

    Atendimento

    O atendimento está sendo ofertado aos policiais civis do Tocantins e servidores administrativos da secretaria, além de familiares de primeiro e segundo grau e cônjuges de servidores, com demandas de atenção psicossocial relacionadas a pandemia do coronavírus. De forma remota, estão sendo ofertados serviços de acolhimento social e psicológico, escuta qualificada e direcionamento de casos.  
    Policiais Civis recebem atendimento psicossocial de forma remota

    Por: Vitória Soares (Com informações da SSP)


    Imprimir