Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    03/08/2020

    Colisão deixa vítima presa às ferragens em Figueirópolis

    O Corpo de Bombeiros Militar foi acionado para socorrer a vítima, que estava no carro de passeio destruído no acidente

    ©DIVULGAÇÃO
    Bombeiros Militares do 3º Batalhão, em Gurupi, resgataram um homem que ficou preso às ferragens do carro de passeio após colisão com um caminhão. O acidente ocorreu na madrugada desta segunda-feira, na BR-153, cerca de 10km do Trevo de Formoso do Araguaia,  a caminho de Figueirópolis. A vítima não foi identificada.
    O CBM foi acionado à 00h30, e a conclusão do atendimento deu-se às 2h19. Segundo relataram os bombeiros, o acidente envolveu um caminhão baú e um carro de passeio, que ficou praticamente destruído na colisão. A vítima que conduzia o veículo menor ficou presa e teve fratura na face, na lateral direita do crânio e também no antebraço direito.
    Após ser retirada do banco do veículo, a vítima foi levada pelos socorristas para o hospital. O homem não foi identificado, pois não portava documentos pessoais.
    No domingo
    Na tarde deste domingo, 02, por volta das 17h, o CBMTO foi acionado para resgatar vítima de acidente nas proximidades do Parque da Agrotins, em Palmas. O condutor de um Fiat Uno saiu da pista e colidiu com um poste.
    Leovegildo Santos Sousa, de 40 anos, veio a óbito ainda no local. Com o impacto da batida, o homem foi arremessado para fora do carro, mas ficou embaixo do poste.
    Bombeiros militares usaram equipamentos e técnicas específicas para retirar o corpo do local. Um médico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), constatou o óbito da vítima.
    O acidente foi a cerca de 100m do trevo de acesso ao Parque Agroindustrial da Agrotins.
    Bombeiros militares usam equipamentos e técnicas para retirada da vítima debaixo do carro, após colisão com poste ©DIVULGAÇÃO

    Atendimento a vítima em formoso foi prestado por bombeiros militares do 3º Batalhão, em Gurupi ©DIVULGAÇÃO


    Por: Luiz Henrique Machado

    Imprimir