Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    24/08/2020

    PANDEMIA| Estado tem 680 diagnósticos e oito mortes por coronavírus; Total de infectados passa de 44,2 mil

    Maior número de registros foi em Palmas, que sege como cidade mais afetada pela pandemia no estado.


    O Tocantins contabilizou, nesta segunda-feira (24), 680 diagnósticos de coronavírus e oito novas mortes causadas pela Covid-19. Os dados estão disponíveis no boletim epidemiológico estadual. Segundo a Secretaria Estadual da Saúde (SES) os novos casos registrados incluem vários dias de coletas de exames. O total de infectados no estado agora é de 44.273 e o número de óbitos chegou a 593.

    Os últimos pacientes que não resistiram aos sintomas da doença moravam em Palmas e em cidades do interior do estado. Eles tinham entre 33 e 87 anos.

    • Homem de 53 anos, morador de Palmas. Comorbidades: hipertensão e diabetes, morreu no dia 23/08/20 no Hospital Geral de Palmas.
    • Homem de 63 anos, morador de Palmas. Comorbidades: diabetes, morreu no dia 23/08/20 no Hospital Geral de Palmas.
    • Mulher de 73 anos, morador de Pedro Afonso, morreu no dia 20/08/20 no Hospital de Referência de Pedro Afonso.
    • Mulher de 33 anos, morador de Gurupi. Comorbidades: hipertensão, diabetes e obesidade, morreu no dia 24/08/20 no Hospital Regional de Gurupi.
    • Homem de 74 anos, morador de Gurupi, morreu no dia 21/08/20 no Hospital Regional de Gurupi.
    • Homem de 76 anos, morador de Gurupi. Comorbidades: hipertensão e diabetes, morreu no dia 22/08/20.
    • Homem de 87 anos, morador de Formoso do Araguaia. Comorbidades: hipertensão, morreu no dia 22/08/20.
    • Homem de 42 anos, morador de Aliança do Tocantins. Comorbidades: poliomielite, morreu no dia 21/08/20 no Hospital Regional de Gurupi.
    Novos casos

    Foram registrados novos casos da doença em 43 cidades do estado. Em Palmas foram 209 diagnósticos. A capital chegou a 11.015 confirmações e segue sendo o município mais afetado pela pandemia no Tocantins. A cidade também tem 76 mortes.

    Araguaína, no norte do Tocantins, é a segunda cidade mais afetada pela pandemia. Com os 162 novos diagnósticos contabilizados neste domingo, a cidade chega a 10.774 pessoas infectadas e 135 mortes.

    Todos os 139 municípios do Tocantins têm casos confirmados da doença. Veja abaixo os 10 municípios mais afetados no estado. A lista completa pode ser encontrada no site da Secretaria de Saúde.

    A SES informou que, do total de casos, 27.588 pacientes estão recuperados e 16.092 ainda estão em acompanhamento e isolamento. O estado tem 87 pessoas internadas em UTIs públicas e outras 62 em leitos de terapia intensiva particulares.

    Taxa de ocupação

    A maior taxa de ocupação dos leitos de UTI públicos nesta segunda-feira (24), até as 13h, estava no Hospital Regional de Araguaína (88%) e no Hospital Municipal de Campanha de Araguaína (90%). Veja abaixo:

    • Hospital Regional de Augustinópolis - 60% de ocupação
    • Hospital Regional de Araguaína - 88% de ocupação
    • Hospital Regional de Gurupi - 60% de ocupação
    • Hospital Geral de Palmas - 46% de ocupação
    • Hospital Municipal de Campanha de Araguaína - 90% de ocupação
    • Hospital Municipal de Araguaína (UTI pediátrica) - 17% de ocupação
    Entre os leitos clínicos, a situação mais preocupante é na capital, onde o Hospital Geral de Palmas aparece com 95% de ocupação e Hospital Regional de Pedro Afonso, com 78% das vagas ocupadas. Os dados de estatística hospitalar podem ser conferidos no portal Integra Saúde.

    Cidades mais afetadas pela Covid-19 no Tocantins

    • Palmas – 11015 casos e 76 mortes
    • Araguaína – 10774 casos e 135 mortes
    • Gurupi – 2272 casos e 29 mortes
    • Porto Nacional - 1607 casos e 27 mortes
    • Colinas do Tocantins – 1518 casos e 11 mortes
    • Paraíso do Tocantins – 1443 casos e 27 mortes
    • Formoso do Araguaia – 912 casos e 11 mortes
    • Xambioá – 657 casos e nove mortes
    • Tocantinópolis – 648 casos e 15 mortes
    • Araguatins – 623 casos e 23 mortes

    Por G1 Tocantis


    Imprimir