Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    23/09/2020

    Deputado Antônio Andrade e ministro Onyx Lorenzoni participam de assinatura de termo que amplia recursos do PAA no TO

    ©Secom TO/Aldemar Ribeiro
    O presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins (Aleto), deputado Antònio Andrade, participou nesta quarta-feira, 23, da assinatura de termo que amplia em 2,5 milhões os recursos para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), totalizando R$ 5 milhões a serem aplicados nos próximos quatro meses.

    O evento contou com a presença do governador Mauro Carlesse e do ministro da Cidadania Onyx Lorenzoni, ministério responsável pelo aporte de recursos, eles destacaram a parceria do Governo Federal com o Tocantins.
    ©Secom TO/Aldemar Ribeiro

    Antonio Andrade em sua fala, ressaltou a importância do recurso para a agricultura familiar e parabenizou a atuação do presidente, Jair Bolsonaro, neste período de pandemia.

    “A gente tem andado pelo Estado e temos visto as ações do Governo Federal, transformando nossas estradas, as BRs que cortam o Estado estão recebendo 7cm de capa asfáltica, isso nunca aconteceu”.

    E continuou: “se não fosse a parceria do Governo Federal com os estados e municípios tenho certeza que estaríamos em grandes dificuldades, por isso, leve nosso abraço e nossos agradecimentos ao presidente”, finalizou Andrade.

    PAA – Programa de Aquisição de Alimentos

    O programa tem dois objetivos: promover o acesso à alimentação e incentivar a agricultura familiar, para isso, compra alimentos produzidos pela agricultura familiar, com dispensa de licitação, e os destina às pessoas em situação de insegurança alimentar e nutricional e àquelas atendidas pela rede socioassistencial, pelos equipamentos públicos de segurança alimentar e nutricional e pela rede pública e filantrópica de ensino.

    O recurso vai beneficiar cerca de 6 mil pequenos agricultores vinculados na proposta vigente a comercializarem seus produtos ao Programa, fortalecendo assim a agricultura familiar e contribuindo para a retomada econômica do pequeno produtor.
    ©Secom TO/Aldemar Ribeiro



    Por: Rogério Tortola


    Imprimir