Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    29/09/2020

    Sebrae Tocantins lança Guia do Candidato Empreendedor

    Documento foi lançado nesta terça-feira, 29, às 17 horas, no canal do Youtube do Sebrae Tocantins


    O Sebrae está incentivando os candidatos às eleições municipais a incluir a pauta do empreendedorismo e dos pequenos negócios em suas campanhas. Nesta terça-feira, 29, foi lançado o Guia “Seja um Candidato Empreendedor - 10 Dicas | 100 Ações do Sebrae”, documento que reúne um conjunto de propostas de políticas públicas para os futuros prefeitos e prefeitas, vereadores e vereadoras que serão eleitos no próximo mês de novembro.

    O guia sugere ações estratégicas que podem ser utilizadas pelos candidatos a prefeitos e vereadores em seus planos de governo, por meio do fortalecimento e do protagonismo dos pequenos negócios nos municípios. Esta é a quarta edição do guia destinado às eleições municipais. Os candidatos podem baixar o ebook digital gratuitamente no link: www.sebrae.com.br/eleicoes

    Para o presidente do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae, Rogério Ramos o guia incentiva a priorização de políticas públicas focadas no desenvolvimento econômico. “Fomentar o empreendedorismo local, por meio dos pequenos negócios significa gerar emprego e renda no município. O guia veio para despertar nos candidatos a força das micro e pequenas empresas no contexto local”, disse o presidente.

    “Acredito que um Brasil forte e rico depende de empreendedores de sucesso, por isso, ser um candidato empreendedor une aquilo que mais precisamos neste momento: gestores honestos e que gerem emprego e renda para nosso povo”, afirmou o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO), Eurípedes Lamounier.

    O diretor geral do Instituto de Contas 5 de outubro, Júlio Santos, que na ocasião representou o presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE-TO), Severiano Costandrade, acrescentou que essa iniciativa do Sebrae incentiva a integridade dos candidatos às eleições. “Esperamos que as eleições sejam legitimadas pela participação cidadã e pelo exercício da democracia. E, dessa forma, a probidade no exercício da atividade pública produza resultados, por meio do empreendedorismo. Estamos em um estado que é rico em natureza e que possa ser rico também em ideias inovadoras e que façam a diferença para todo cidadão”, pontuou.

    Eliana Castro, diretora técnica do Sebrae Tocantins, destacou a contribuição do guia para a empregabilidade no Brasil e no Tocantins. “É fundamental que os candidatos dos próximos quatro anos se pautem em iniciativas que promovam a criação de um ambiente favorável para o desenvolvimento e a competitividade dos pequenos negócios, reconhecendo sua importância como motor da economia e da geração de emprego e renda no Tocantins”, reforçou a diretora.

    O diretor técnico do Sebrae Nacional, Bruno Quick, detalhou as 10 dicas sugeridas pelo Sebrae aos candidatos, que se desdobram em 100 ideias para o plano de governo. “As ideias de ações que podem ser adotadas pelos gestores públicos municipais para a retomada do desenvolvimento econômico local, priorizam a geração de empregos, a desburocratização, a qualificação, o incentivo a cooperação e ao crédito e à promoção da inovação e da sustentabilidade”, detalhou Quick.

    “O país se prepara para um dos atos mais importantes do processo democrático, que são as eleições municipais. O Sebrae se orgulha em fazer parte desse momento, compartilhando com os futuros gestores um pouco do que é ser empreendedor, por meio de propostas efetivas e que irão gerar transformação nos municípios”, destacou Moisés Gomes, superintendente do Sebrae Tocantins.

    Ao final da live de lançamento, o presidente do Sebrae Nacional, Carlos Melles, disse que fundamental discutir e implementar o empreendedorismo nas campanhas e nos mandatos pode transformar a gestão pública. “Os próximos 60 dias serão de debates e uso intenso de redes sociais. O Sebrae está disponibilizando esse guia para que o candidato possa discutir trazer para a pauta o ganho que o município tem em ter um servidor empreendedor, em ter uma cidade empreendedora, em como fazer as compras públicas, dando uma injeção de entusiasmo na economia do município”, finalizou.


    ASSECOMM/SEBRAE-TO


    Imprimir