Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    15/10/2020

    Empresa de cosméticos busca apoio do Governo para implantação de fábrica no Tocantins

    Durante a reunião o empresário pode conhecer os programas de incentivos fiscais oferecidos pelo Estado.

    Empresário da Kaiká Cosméticos recebe orientações sobre programa de incentivos fiscais do Estado ©Ascom/Sics
    Buscando apoio da Secretaria de Indústria, Comércio e Serviços (Sics), o empresário e um dos proprietários da Kaiká Cosméticos, Cleudomar Luiz da Silva, foi recebido na tarde desta quarta, 14, pelo Superintendente de Desenvolvimento Econômico, Iranilson Mota, que na ocasião representou o titular da pasta, Tom Lyra.

    Também participaram da reunião a secretária executiva do Conselho de Desenvolvimento Econômico (CDE), Kátia Milhomem, o Gerente de Prospecção de Novos Negócios e Investimentos, Carlos Carneiro e a Diretora de Atração de investimentos e Desenvolvimento Estratégico, Elaine Assis, que durante o encontro apresentaram alguns dos incentivos fiscais oferecidos pelo Governo do Estado, como o Proindústria e o Comércio Atacadista.

    O empreendedor também teve orientações sobre a Sala de Suporte Empresarial, que é um dos setores em funcionamento na Secretaria e que atua no apoio ao empresário, prestando esclarecimentos e informando sobre as possibilidades que o Estado oferece para quem deseja investir no Tocantins, sejam empresas de pequeno, médio ou grande porte.

    Atualmente a indústria de cosméticos conta com um call center e um centro de distribuição em Palmas, onde emprega diretamente 50 pessoas, mas indiretamente com os consultores a empresa gera 2.012 empregos indiretos em Palmas e 4.504 em todo o Tocantins.

    Segundo o empresário, Cleudomar Luiz da Silva, o objetivo é trazer toda a operação da empresa para o Estado. “Atualmente nossa fábrica fica em Goiânia e lá também mantemos um centro de distribuição, queremos melhorar a nossa logística unindo toda a cadeia produtiva. Somos uma empresa nascida no Tocantins, de alma tocantinense e sabemos que aqui teremos todo o apoio necessário para essa realização”, afirmou.

    Segundo o superintendente, Iranilson Mota, “o Governo do Estado está receptivo a novos investimentos e na expansão de negócios no território tocantinense, assim como já apontam o Governador Mauro Carlesse e o Secretário Tom Lyra, que muito tem se empenhado na busca por investidores para o Estado e que tem atuado incansavelmente para que aqueles que já estão implantados no Tocantins tenham o apoio necessária para o seu crescimento, afinal é com essas medidas que teremos um Tocantins forte e cheio de oportunidades para todos”, finalizou.

    Programa de Incentivos

    O Tocantins conta com um dos melhores programas de incentivos fiscais do Brasil. Ao todo são 11 modalidades que disponibilizam uma série de benefícios, entre eles, redução da carga tributária para a instalação e manutenção de empresas.

    Entre esses incentivos está o Proindústria, que é voltado para empresas com atividade econômica no setor da indústria, tendo projetos que apresentem viabilidade econômico-financeira, com interesse em implantação ou expansão no Estado.

    Outro benefício é a Lei 1.201/2000, que é voltada ao comércio atacadista e que reduz a carga tributária sobre produtos.

    O objetivo principal desses programas é atrair novos empreendedores para o Estado, mas também incentivar aqueles que já estão aqui para expandir seus negócios, contribuindo assim com a geração de emprego e renda.

    Por: Nayna Peres

    ***