Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    04/02/2021

    GURUPI| Secretaria de Saúde do Município faz cessão de respiradores ao HRG

    ©DIVULGAÇÃO
    Na manhã desta quinta-feira, 04, foi formalizada a parceria entre Município e Estado para a cessão dos aparelhos de respiradores comprados no ano anterior que estavam paralisados. Os aparelhos serão utilizados no Hospital Regional de Gurupi.

    Nesta parceria o HRG cedeu ao município três respiradores portáteis para transporte.

    O representante do jurídico da Secretaria Municipal de Saúde, Fábio Araújo, explicou que a Unidade de Pronto Atendimento não tem estrutura adequada, como a existência de tubulação de oxigênio, e por este motivo os aparelhos estavam parados em um depósito e agora o município está realizando uma destinação adequada, fazendo a cessão ao HRG.

    O secretário municipal de Saúde, Zander Luis Guimarães, comentou que como esses aparelhos estavam em um depósito sem nenhuma utilização foi decidido por esta cessão para que os gurupienses possam utilizá-los. “Agora estamos dando uma destinação correta a esses aparelhos e temos a certeza que serão bem utilizados, auxiliando no salvamento de vidas”, enfatizou.

    A diretora administrativa do HRG, Cristiane Uchôa, destacou que essa cessão é de suma importância, pois estes aparelhos são utilizados para diversas demandas como UTI e sala vermelha, não apenas aos pacientes de Covid-19, que já têm uma UTI apropriada para estes casos. “O uso destes equipamentos no hospital é constante e com essa cessão vamos suprir ainda mais a nossa demanda de leito clínico, de UTI geral, sala de estabilização e sala vermelha, vão suprir uma necessidade geral”, explicou completando que o hospital tem estrutura adequada para a utilização destes aparelhos com canalização de gás.

    A prefeita Josi Nunes destacou que a parceria entre município e estado é sempre com a garantia de que a população será beneficiada. Ressaltou que estes aparelhos em poder do município continuariam sem utilização e que agora vão beneficiar muitas pessoas.




    ASSECOM

    ***