Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    24/03/2021

    JBS tem melhor resultado trimestral da história, com Lucro Líquido de R$ 4 bilhões

    No ano, a Companhia atingiu lucro líquido de R$ 4,6 bilhões, com crescimento em todos os principais indicadores de desempenho. Alavancagem atinge o seu menor patamar histórico


    JBS fechou o quarto trimestre de 2020 com Lucro Líquido de R$ 4 bilhões, importante crescimento de 65% na comparação com o mesmo período de 2019. Esse foi o melhor resultado trimestral da história da empresa. No acumulado do ano, a Companhia apresentou lucro de R$ 4,6 bilhões, com melhoria em todos os principais indicadores de desempenho.   


    Receita Líquida da empresa no trimestre chegou a R$ 76,1 bilhões, aumento de 33,1% ante o apresentado há um ano. Esse resultado ajudou a JBS a atingir a maior Receita Líquida anual da sua história, de R$ 270,2 bilhões, um acréscimo de 32,1% sobre o alcançado em 2020. O EBITDA (indicador de desempenho operacional da companhia) chegou a R$ 7 bilhões no trimestre, evolução de 24,1% na comparação com o quarto trimestre de 2019. No ano, o EBITDA foi de R$ 29,6 bilhões, outro recorde na história da Companhia, com crescimento de 48,7% na comparação com 2020.
     

     

     

    Saúde financeira atinge melhor patamar  

     

    Geração de Caixa Livre da JBS no 4T20 aumentou 18,6% na comparação com o mesmo período do ano anterior e chegou a R$ 3,8 bilhões. No acumulado do ano, a Companhia ostentou geração de R$ 17,8 bilhões de caixa livre, um crescimento de 87,3% na comparação com o acumulado de 2020. Com isso, foi possível atingir uma posição de caixa bastante confortável, com disponibilidade financeira total de R$ 29,9 bilhões, incluindo linhas de crédito pré-aprovadas, no final de 2020. Esse montante seria suficiente para o pagamento integral da dívida da empresa até meados de 2026, mesmo sem geração de caixa. 

     

    Com tudo isso, a alavancagem da JBS continuou sua trajetória de queda, e a relação entre dívida líquida e EBITDA, em reais, chegou a 1,56x. Em dólares, esse indicador chegou a 1,58x. Trata-se do menor patamar da história da Companhia. A redução de dívida líquida foi de US$ 1,8 bilhão, e a redução de despesa financeira líquida foi de US$ 83,9 milhões no ano, uma queda de 10,4%.  

     

    Todas as unidades de negócios da JBS apresentaram crescimento de Receita Líquida tanto no quarto trimestre, quanto no acumulado do ano. A JBS Brasil, que inclui a Friboi, atingiu Receita de R$ 13,4 bilhões no trimestre (+39,9%), com acumulado de R$ 41,7 bilhões no ano (+30,5%). A Seara teve Receita trimestral de R$ 7,5 bilhões (+31,8%), com R$ 26,7 bilhões no ano (+31,8%). A JBS USA Beef teve Receita de R$ 30,3 bilhões no trimestre (+26,9%) e R$ 112,1 bilhões no acumulado do ano (+28,6%). A JBS USA Pork atingiu Receita de R$ 9,3 bilhões no trimestre (+47,5%), com R$ 32,2 bilhões no ano (+37,1). Já a Pilgrim’s Pride alcançou Receita trimestral de R$ 16,8 bilhões (+33,4%), com acumulado de R$ 62,2 bilhões no ano (+38,3%).   

     

    Adicionalmente, segue, anexo, release registrado na CVM.

    Sobre a JBS 

     

    A JBS é a segunda maior companhia de alimentos do mundo e a maior de proteína animal. Com uma plataforma global diversificada por geografia e por tipos de produtos (aves, suínos, bovinos e ovinos), a Companhia conta com mais de 250 mil colaboradores, em unidades de produção e escritórios em todos os continentes, em países como Brasil, EUA, Canadá, Reino Unido, Austrália, China, entre outros. No Brasil são mais de 145 mil colaboradores, sendo a empresa a maior empregadora do país. No mundo todo, a JBS oferece um amplo portfólio de marcas reconhecidas pela excelência e inovação: Swift, Pilgrim’s Pride, Seara, Moy Park, Friboi, Primo, Just Bare, entre muitas outras, que chegam todos os dias às mesas de consumidores em 190 países. A Companhia investe também em negócios correlacionados, como couros, biodiesel, colágeno, higiene pessoal e limpeza, envoltórios naturais, soluções em gestão de resíduos sólidos, reciclagem, embalagens metálicas e transportes. A JBS conduz suas operações com foco na alta qualidade e na segurança dos alimentos e adota as melhores práticas de sustentabilidade e bem-estar animal em toda sua cadeia de valor. O programa Juntos pela Amazônia integra esse compromisso. Além de fomentar o desenvolvimento sustentável do bioma amazônico, promovendo a conservação e uso sustentável da floresta, prevê a melhoria da qualidade de vida da população que nela reside, bem como o desenvolvimento de novas tecnologias para preservar o meio ambiente. Com a implementação de uma plataforma blockchain, inédita no setor de proteína animal, ampliará o monitoramento dos fornecedores diretos da JBS para os fornecedores deles.


    ASSECOM


    ***