Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    26/03/2021

    Sebrae e Prefeitura de Araguaína se reúnem para discutir pautas de desenvolvimento

    O Programa Cidade Empreendedora foi apresentado como uma estratégia para fomentar ações de aceleração no desenvolvimento econômico do município

    ©DIVULGAÇÃO
    Por meio de uma videoconferência, o superintendente do Sebrae Tocantins, Moisés Gomes, apresentou nesta quinta-feira, 25, o Programa Cidade Empreendedora para o prefeito da cidade de Araguaína, Wagner Rodrigues.

    Segundo Moisés Gomes, o programa tem como objetivo a implantação de políticas de desenvolvimento. “É um caminho para os gestores interessados em transformar a situação em que se encontram os municípios, permitindo o aprimoramento do ambiente de negócios, a simplificação da vida das empresas e a geração de emprego e renda. A pandemia ainda não acabou, mas os municípios que se prepararem agora, sairão mais rapidamente da crise”, pontuou.

    “O projeto será de grande valia para Araguaína, uma vez que trará oportunidades de transformação para a gestão municipal, para os pequenos negócios e para a sociedade, por meio do desenvolvimento local. Os temas são superinteressantes para o formato de negócios praticado na Capital Econômica do Tocantins”, destacou o prefeito de Araguaína, Wagner Rodrigues.

    Também participaram da reunião o secretário de Fazenda de Araguaína, Fabiano Souza e os gerentes do Sebrae Magvan Botelho e Joaquim Quinta Neto.

    Sobre o Programa

    O Programa Cidade Empreendedora é um programa nacional de transformação dos municípios, com foco na aceleração do processo de desenvolvimento socioeconômico local, com foco na melhoria do ambiente de negócios, no fomento ao empreendedorismo e na promoção da competitividade empresarial. A estratégia parte de uma visão sistêmica do território, mas com atuação direta do poder público, para que este seja um agente mobilizador, facilitador e fomentador do desenvolvimento.

    Para tanto, o município contará com um portfólio de soluções ofertadas pelo Sebrae e parceiros, em 10 eixos de atuação: gestão municipal, lideranças locais, desburocratização, sala do empreendedor, compras governamentais, empreendedorismo na escola, inclusão produtiva, marketing territorial e setores econômicos, cooperativismo e crédito e inovação e sustentabilidade.

    ASSECOM

    ***