Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    07/06/2021

    Professora é encontrada morta com tiro na cabeça dentro de casa no interior do Tocantins

    Vítima é a professora aposentada Elisabeth Figueiredo, de 61 anos. Companheiro foi preso pela Polícia Civil como o principal suspeito do crime

    Elisabeth Figueiredo foi assassinada em Pequizeiro — Foto: Divulgação
    A professora Elisabeth Figueiredo, de 61 anos, foi encontrada morta dentro de casa, neste domingo (6), em Pequizeiro, região noroeste do Tocantins. A vítima apresentava lesões na cabeça, provavelmente causadas por arma de fogo. A Polícia Civil informou que prendeu, nesta manhã, o companheiro da mulher. Ele é o principal suspeito de crime.

    O delegado Roberto Assis disse que trabalha com várias hipóteses, mas não informou mais detalhes sobre as investigações. A prisão do suspeito foi efetuada pela Polícia Civil de Pequizeiro, em conjunto com a delegacia de Polícia Civil de Colméia.

    O caso chegou a ser registrado na Polícia Militar como suicídio, isso porque após a morte, uma pessoa ligou para a PM informando que a professora havia se matado, dentro de casa.

    Segundo o relatório, ao chegarem ao endereço, os militares constataram o óbito. No local, o irmão de Elisabeth relatou que foi até a casa e viu o companheiro da vítima com roupas sujas de sangue, mas que o homem não lhe deu explicações sobre o que teria acontecido.

    O irmão relatou também que o companheiro da vítima aproveitou o momento oportuno para sair do local sem ser percebido.

    Conforme a PM, o corpo da mulher estava caído ao chão com lesão na cabeça causada provavelmente por disparo de arma de fogo. Próximo ao corpo, havia uma arma calibre 38. A PM realizou patrulhamento a fim de encontrar o companheiro da vítima, mas ele não foi localizado.

    Elisabeth chegou à cidade na década de 70 e era bastante conhecida pelos moradores. A vítima era professora aposentada e, durante a sua trajetória profissional, foi diretora de um colégio estadual na cidade. Familiares disseram que ela era alegre, brincalhona e divertida.

    O velório será realizado nesta manhã, na casa de um parente. O enterro também está previsto para acontecer nesta segunda-feira, no cemitério da cidade.

    Por Jesana de Jesus, G1 Tocantins


    ***