Palmas (TO),

  • LEIA TAMBÉM

    27/07/2021

    No Tocantins, serviços dos Núcleos do Instituto de Identificação somam quase 46 mil atendimentos desde o início do ano

    O Governo do Tocantins entrega mais dois núcleos nesta segunda-feira, 26 e mais 10.337 tocantinenses são beneficiados.

     A senhora Julieta Marques, de 94 anos, foi a primeira cidadã a emitir o RG no novo Núcleo do Instituto de Identificação, em Dueré ©Luiz de Castro
    Em Dueré, a senhora Julieta Marques, de 94 anos, foi a primeira cidadã a emitir o RG no novo Núcleo do Instituto de Identificação da Polícia Civil do Tocantins (PC-TO), inaugurado nesta segunda-feira, 26. Somente nos primeiros meses deste ano já foram 45.923 atendimentos nos núcleos entregues em todo o Tocantins. O órgão é vinculado à Superintendência da Polícia Científica, da Secretaria da Segurança Pública do Tocantins (SSP-TO).

    O mesmo serviço também foi entregue à população de Barrolândia do Tocantins. Dessa forma, cada município conta com um núcleo e, juntos, beneficiarão 10.337 habitantes. Com as entregas de hoje, 61 unidades já estão em funcionamento em todo o estado. "Nós estamos inaugurando um serviço importante para a cidadania dos municípios tocantinenses, de forma segura e com o objetivo de facilitar a vida das pessoas”, destacou o vice-governador Wanderley Barbosa, que prestigiou os eventos.

    O secretário da pasta Cristiano Sampaio, explicou que a intenção é descentralizar o serviço e levar cidadania a todo o Tocantins. "Os núcleos levam serviços importantes à população, visto que, sem o documento de identidade, não é possível realizar uma matrícula ou até mesmo tomar uma vacina em tempos de covid. É um documento que todo mundo precisa e isso não seria possível sem a parceria dos municípios com o Governo do Estado", destacou.

    Em Barrolândia, a delegada geral da Polícia Civil do Tocantins, Raimunda Bezerra de Souza, parabenizou o esforço das prefeituras. “É uma ação do Governo do Estado estimulada de forma vibrante pelo secretário Dr Cristiano, que colocou esse projeto como uma meta e prioridade, parabéns aos gestores que têm tido a sensibilidade e compromisso com a população”, ressaltou.

    O servidor aposentado, Luiz Alberto Mesquita, filho da senhora Julieta, agradeceu e destacou a importância do serviço para a população. “Minha mãe tem 94 anos e essa é a segunda identidade, a primeira via foi na feita na década de 70. É um serviço importante porque é difícil o deslocamento daqui para Gurupi e Palmas, isso é motivo de orgulho pois vivemos e moramos aqui em Dueré”, comemorou.

    A Diretora do Instituto de Identificação, Naídes Cesar Silva, agradeceu o esforço conjunto e destacou a necessidade do documento à população. “Temos visto quantas pessoas estão fazendo sua primeira identidade e o quanto é importante para facilitar o acesso das pessoas aos serviços públicos”, frisou.

    Presenças

    Também estiveram presentes nos eventos, o deputado estadual, Nilton Franco, o diretor de Polícia da Capital, delegado Lucas Brito, o delegado regional de Gurupi, Joadelson Rodrigues, o delegado regional de Barrolândia, Antônio Onofre, o delegado de Polícia Civil de Barrolândia, José Antônio, a diretora do Instituto de Criminalística, Aldenis Cavalcante, o prefeito de Dueré, Valdení Pereira, seu vice, Lemuel Brito, o presidente da Câmara, Wagner Martins, o prefeito de Barrolândia, Adriano Ribeiro, seu vice, Geraldo Guedes, a presidente da Câmara, Neném Gomes, vereadores e secretários municipais.





    Por: Jéssica Sá


    ***